julho 24, 2013

Couraça e feno

A fúria dos calmos e das pétalas
em resguardos de cidadelas em chamas,
pernoita no agacho e bem quieto
frondosamente podridos e rasgados.

Do serão
apenas a discordia,
vereda descoberta na latada,
quando a mó se cala encoberta.

Na mão
o copo enformado,
disforme no vidro de mau trabalho.

Nos dedos
a virtude e a mudança,
velhice, pessimismo e aventurança.

1 comentário:

Anónimo disse...

nos dedos a ponta da caneta em palavras escritas a tinta permanente.

(e a virtude, a mudança e a aventurança)